Entrar

FIES: veja como fazer a inscrição e quem pode participar

Por Dinake Núbia | Em 10/04/2023 18:19:47 | Como Passar, Fies

A inscrição no Fies pode ser feita apenas pela internet, através do FiesSeleção. O período é aberto duas vezes por ano, antes do início das aulas em cada semestre.


Para conseguir o financiamento estudantil é preciso ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)
Para conseguir o financiamento estudantil é preciso ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)

Confira a seguir os tópicos que abordaremos neste conteúdo:

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Governo Federal criado com o objetivo de conceder financiamento a estudantes que desejam cursar o ensino superior em instituições privadas.

Gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), o programa financia até 100% do valor da mensalidade, com juros baixos e prazo de carência após a conclusão do curso.

Neste artigo, vamos esclarecer algumas dúvidas sobre o Fies, como quem pode participar, quais são os critérios, quanto pode ser financiado e um passo a passo simples de como se inscrever no programa.

Quem pode ter acesso ao Fies?

Para conseguir o financiamento estudantil é preciso ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e ter obtido média das notas igual ou superior a 450 pontos, além de não ter zerado a redação.

Além disso, o estudante precisa ter renda familiar bruta mensal per capita até três salários mínimos. O cálculo é feito com base na renda bruta da família, dividida pelos membros do grupo familiar.

O Fies é direcionado principalmente para alunos que ainda não tenham concluído o ensino superior e que nunca tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil. Além disso, não é permitida a concessão de um novo financiamento para estudantes inadimplentes com o Fies ou com o Programa de Crédito Educativo.

Financiamento

O programa tem uma série de critérios para definir o valor do financiamento e a forma de pagamento, como a renda familiar do estudante, a modalidade do curso e o tipo de instituição.

O financiamento mínimo oferecido pelo programa é de 50%. Ao longo do curso, o estudante que recebe o financiamento deve pagar, mensalmente, a coparticipação. Esse valor corresponde à parcela dos encargos educacionais que não é coberta pelo financiamento.

Desde 2021, o Fies passou a ter duas modalidades:

  • 1ª modalidade: oferecimento de juros zero para os estudantes com renda familiar de até três salários mínimos e, para os demais estudantes, taxa de juros de 3% ao ano.
  • 2ª modalidade: Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies), destinada a estudantes com renda familiar de até cinco salários mínimos, que possui recursos provenientes de fundos constitucionais e de desenvolvimento.

É importante lembrar que o P-Fies é uma modalidade de financiamento com recursos limitados e, por isso, nem todas as instituições de ensino e cursos podem estar disponíveis para essa modalidade.

Nota de corte

Assim como em outros programas estudantis, o Fies também possui nota de corte, que é a pontuação mínima exigida para que o estudante possa concorrer a uma vaga no programa.

Essa nota é definida com base na quantidade de vagas ofertadas em cada curso e instituição de ensino, bem como na nota dos candidatos inscritos.

A nota de corte é atualizada diariamente durante o período de inscrições do Fies e pode variar de acordo com a concorrência de cada curso e instituição.

Os candidatos que não alcançarem a nota de corte estabelecida para o curso e instituição desejados não poderão participar do programa.

Como se inscrever no Fies

A inscrição no Fies pode ser feita apenas pela internet, através do FiesSeleção. O período é aberto duas vezes por ano, antes do início das aulas em cada semestre. É importante lembrar que é preciso ter uma conta no Gov.br. Veja o passo a passo:

  • Acesse o Portal Único de Acesso ao Ensino Superior;
  • No site, clique em “Entrar”, no canto superior direito;
  • Caso já tenha cadastro, basta inserir o CPF e a senha e entrar na sua conta Gov.br;
  • Caso não tenha cadastro, é preciso preencher todas as informações solicitadas e, posteriormente, entrar na conta com CPF e senha cadastrada;
  • Feito isso, você será redirecionado para o sistema do Fies, onde deve preencher as informações solicitadas.

Após complementar a inscrição, o estudante deve comparecer à CPSA para validar as informações e ao agente financeiro com a documentação exigida para formalizar a contratação do financiamento.

Para verificar se foi selecionado, basta acessar o site do FiesSeleção e clicar na opção “Ver meu boletim de acompanhamento”. O prazo da divulgação do resultado é estipulado pelo MEC em cada edital lançado.

Portal Único de Acesso ao Ensino Superior

O Portal Único de Acesso ao Ensino Superior foi criado recentemente pelo Governo Federal, com objetivo de facilitar o acesso dos estudantes ao ensino superior.

Através do portal, é possível se inscrever em diversos programas de acesso ao ensino superior, como o Fies, Sisu e o ProUni, utilizando uma única senha de acesso.

Uma das principais vantagens é a simplificação do processo de inscrição, que antes exigia a criação de diversas senhas e o preenchimento de vários formulários diferentes.

Além disso, a plataforma também oferece informações sobre as instituições de ensino superior, cursos oferecidos, notas de corte e outras informações para ajudar os estudantes a escolher a melhor opção de curso e universidade.

Foto de perfil Dinake Núbia
Por Dinake Núbia | Jornalista
Especialista em produção de conteúdo para a internet sobre diversas temáticas, tanto para site quanto para redes sociais, com foco em SEO.

Deixe seu comentário (0)

Participe, faça um comentário.