Entrar

Questões de Vestibular: Descolonização da África

Confira aqui questões de Descolonização da África para Vestibular grátis com gabarito. Acesse milhares de exercícios com perguntas e respostas resolvidas e comentadas para treinar online. Se preferir, baixe o PDF!

Filtrar questões
💡 Selecione apenas 2 campos por vez e clique em filtrar.


Texto associado.

(UFSM-RS) "A primeira coisa, portanto, é dizer-vos a vós mesmos: Não aceitarei mais o papel de escravo. Não obedecerei às ordens como tais, mas desobedecerei quando estiverem em conflito com a minha consciência. O assim chamado patrão poderá sussurrar-vos e tentar forçar-vos a servi-lo. Direis: Não, não vos servirei por vosso dinheiro ou sob ameaça. Isso poderá implicar sofrimentos. Vossa prontidão em sofrer acenderá a tocha da liberdade que não pode jamais ser apagada." (Mahatma Gandhi)

In: MOTA, Myriam; BRAICK, Patrícia. História das cavernas ao Terceiro Milênio. São Paulo: Moderna, 2005. p.615.

“Acenderá a tocha da liberdade que não pode jamais ser apagada” são palavras de Mahatma Gandhi (1869-1948) que, no contexto da Guerra Fria, inspiraram movimentos como

(Avança-SP 2011) Analise algumas afirmações sobre o processo de Independência no continente africano e a seguir assinale a alternativa correta:

I – Em 1940, no continente africano, apenas a Libéria não era colônia de um país europeu e, em 1963, vinte e noves estados africanos estavam independentes.

II - Muitos africanos resistiram a colonização, mas faltava unidade, organização e objetivos estratégicos. Um dos exemplos foi a resistência sanori aos franceses, no Níger.

III - Nas cidades angolanas havia uma grande movimentação de resistência, com panfletagens e criação de organizações como a organização das mulheres angolanas, criada por Deolinda Rodrigues.

(FUNDATEC - 2020) Sobre a história contemporânea da África, Martin Meredith assinala que, na altura da década de 1980, “a África era conhecida por seus ‘Big Men’, ditadores militares e presidentes de partido único que ocupavam o cargo reforçando seu controle pessoal, reprimindo qualquer oposição ou dissidência, autorizando polícias secretas a silenciar seus críticos, intimidando a imprensa, limitando o poder dos tribunais de justiça e tornando-se extremamente ricos” (O destino da África. Cinco mil anos de riquezas, ganância e desafios. Rio de Janeiro: Zaahar, 2017).
Acerca de referido período histórico, assinale a alternativa INCORRETA.

(IBADE 2020) Foi somente a partir de 1945, com o enfraquecimento dos povos europeus por conta da Segunda Guerra Mundial que os movimentos de libertação nacional no continente africano ganham novo impulso e começam a se tornar realidade.

Sobre isso, é correto afirmar que:

Texto associado.

“A questão que se coloca, após a conquista da independência e a ruptura dos elos de dominação direta, é a de saber em que medida o colonialismo persiste e por quais metamorfoses passou a noção de império. (...) É forçoso reconhecer que o fim dos impérios coloniais dos séculos XIX e XX não resultou de uma decisão metropolitana ou do desejo de abdicação do poder, e sim da capacidade de revolta que é inerente ao oprimido. (...) Uma segunda questão diz respeito à possibilidade de terem os países recentemente libertados em alguns casos, aparentemente libertados da dominação colonialista direta, de escolher seu próprio caminho de afirmação política e de identidade cultural. (...) E, finalmente, uma terceira questão. Como enfrentar a batalha contra a fome, contra as desigualdades sociais internas, contra a ameaça constante de governos opressores e de ditaduras pseudomodernizantes, e, sobretudo, como dominar os males do subdesenvolvimento legados pelo colonialismo e aprofundados pelos novos mecanismos de dependência?”.

Sobre a Descolonização da Ásia e da África, assinale a alternativa CORRETA:

(FUNDATEC 2017) Analise as assertivas abaixo tendo como referência o pensamento de Analúcia Pereira (2013) no que diz respeito ao processo de colonização e descolonização da África:

I. Quatro potências Europeias participaram da expansão colonial africana: Portugal, Grã-Bretanha, França e Eslovênia.

II. O chamado domínio clássico Europeu nas colônias Africanas durou aproximadamente 75 anos.

III. O Império Francês é considerado um dos maiores impérios coloniais africanos.

IV. A experiência africana advinda do tempo e de sua relação com os impérios coloniais contribuíram para o amadurecimento africano, consolidando assim a incorporação de sua economia no cenário mundial.

Quais estão corretas?

(CESPE 2011) Assinale a opção correta acerca do processo de independência das colônias de Portugal na África.

Texto associado.

(FGV-RJ) Leia o trecho da canção abaixo para responder à questão:

Até que a filosofia que sustenta uma raça

Superior e outra inferior

Seja finalmente e permanentemente desacreditada e abandonada,

Haverá guerra, eu digo, guerra.

(...)

Até que os regimes ignóbeis e infelizes,

Que aprisionam nossos irmãos em Angola, em Moçambique,

África do Sul, em condições subumanas,

Sejam derrubados e inteiramente destruídos, haverá

Guerra, eu disse, guerra.

(...)

Até esse dia, o continente africano

Não conhecerá a paz, nós, africanos, lutaremos,

Se necessário, e sabemos que vamos vencer,

Porque estamos confiantes na vitória

Do bem sobre o mal,

Do bem sobre o mal...

War. Bob Marley, 1976.

A canção War foi composta por Bob Marley a partir do discurso pronunciado pelo imperador da Etiópia, Hailé Selassié (1892-1975), em 1936, na Liga das Nações. As ideias do discurso, presentes na letra da canção acima, estão associadas: