Entrar

Simulado: Nelson Mandela: 10 exercícios com gabarito - ENEM

10 questões | História, Apartheid, Ensino Médio

Marque todas as questões do simulado desta página "Nelson Mandela: 10 exercícios com gabarito - ENEM" e clique no botão "Corrigir". Se preferir, baixe o PDF.


1 resolveram
40% acertos
Difícil
0 ótimo
0 bom
1 regular
0 péssimo

Várias políticas ditatoriais foram implantadas no continente africano. O apartheid foi uma política racial imposta pela minoria branca da população, únicos com direito a voto, restando à maioria da população, composta por negros, obedecer rigorosamente as leis separatistas. Em qual país da África foi implantado o apartheid:


(Unichristus - 2018 - Unichristus - Vestibular - Primeiro Semestre - Medicina - Conhecimentos Gerais)

Nelson Mandela foi um líder rebelde e, posteriormente, presidente da África do Sul de 1994 a 1999. Seu nome verdadeiro é Rolihlahla Madiba Mandela. Principal representante do movimento antiapartheid, considerado pelo povo um guerreiro em luta pela liberdade, era tido pelo governo sul-africano como um terrorista e passou quase três décadas na cadeia.

Disponível em: https://educacao.uol.com.br/biografias/ nelson-mandela.html

No contexto descrito da política do apartheid, conclui-se que


(FGV) De 1948 a 1991, vigorou na África do Sul o regime denominado apartheid. A esse respeito é correto afirmar:


(PUC-PR) O Apartheid foi um regime político que segregou grande parte da população sul-africana, baseado no princípio da cor da pele. Esse regime terminou no início da década de 1990, por meio de:


(CUSC 2019) O regime do apartheid, vigente na África do Sul entre as décadas de 1940 e 1990,


(UNESP-SP) Soweto viu a Copa do Mundo. Em um Mundial questionado por seu impacto social apenas limitado e por excluir grande parte da população africana dos benefícios, os 4 milhões de moradores da cidade nas proximidades de Johannesburgo só souberam um dia antes que a seleção brasileira faria seu único treino aberto em Soweto.

(O Estado de S.Paulo, 04.06.2010. Adaptado.)

Considere as afirmações seguintes.

I. Soweto está localizado na região metropolitana de Johanesburgo e foi a maior township da África do Sul.

II. As townships nasceram durante o período do apartheid, devido à separação espacial entre negros e brancos.

III. Dentre os Prêmios Nobel da Paz, estão Nelson Mandela e o Arcebispo Desmond Tutu, que viveram em Soweto.

IV. Berço da luta contra o apartheid, durante o regime racista, Soweto conseguiu resolver seus problemas sociais, integrando-se totalmente ao restante da capital.

Estão corretas apenas as afirmações


(UNESP) No início dos anos 1990, o presidente Frederik de Klerk declarou oficialmente o fim do apartheid na África do Sul. Esta política racista


(UFAM) A luta contra o apartheid na África do Sul foi um esforço coletivo, protagonizada por ampla e anônima maioria negra do país, orientada por vários dirigentes negros, apoiada por alguns líderes brancos e acompanhada pela indignação internacional. Contudo foi um único homem, recluso na prisão por quase três décadas, quem simbolizou a causa contra o regime segregacionista: Nelson Mandela ou, carinhosamente, Madiba para seus conterrâneos. Falecido em 5 de dezembro de 2013, aos 95 anos, há tempos ele lutava contra doenças recorrentes do período em que permaneceu preso por conta de sua luta pela abolição do apartheid. Prêmio Nobel da Paz em 1993, o homem considerado o herói do século XX deixou um legado de luta incomparável, tanto que ao anunciar sua morte, o atual presidente da África do Sul, emocionado, disse: “Ele descansou e agora está em paz. Nossa nação perdeu seu maior filho. Nosso povo perdeu seu pai.” No discurso proferido quando assumiu a presidência (1994), Mandela mais uma vez reforça o seu comprometimento na busca de “construir uma sociedade na qual todos os sul-africanos, brancos e negros fossem capazes de caminhar com a cabeça erguida sem medo em seus corações [...], uma nação arco-íris, em paz consigo mesma e com o mundo.”

Consoante aos seus conhecimentos sobre o tema exposto, você pode depreender que:

I. As primeiras manifestações contra o apartheid foram organizadas tanto pelo Congresso Nacional Africano (CNA), partido político fundado em 1912 para defender tanto o direito dos negros, quanto dos homens brancos de mentalidade liberal.

II. Já como membro ativo do CNA, após o Massacre de Sharpeville em 1961, Mandela passou a defender que o apartheid não deveria ser mais combatido com a não violência, mas por outros meios, como a sabotagem.

III. Em 1976 o Massacre de Soweto, com mais de 500 mortos, recorda ao mundo a brutalidade do regime racista sul-africano.

IV. Libertado após 27 anos de cárcere, Mandela negocia o fim do apartheid com o presidente Frederik De Klerc em 1993, sendo eleito o primeiro presidente negro da África do Sul no ano seguinte.

V. Tanto a insanidade do apartheid como a crucial capacidade de luta e atitude conciliadora de Nelson Mandela em muito contribuiu para o mundo repensar o racismo e a segregação.

Assinale a alternativa correta:


(UCS) Da hora em que você acorda até o momento de voltar para a cama, seu cotidiano se compõe de uma série de atitudes e comportamentos que parecem naturais. Porém, não é bem assim. Muito do seu jeito de ser e agir no dia a dia é resultado de uma série de aprendizados que moldaram a evolução humana desde que nosso primeiro antepassado resolveu descer da segurança de uma árvore e se arriscar na savana africana. Muito do que somos foi delineado pelas ideias e esforços de outros homens e mulheres ao longo da História.

“A única arma para melhorar o Planeta é a Educação com ética. Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor da pele, por sua origem, ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender, e se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar”.

O pensamento acima foi manifestado por Nelson Mandela, uma das maiores personalidades políticas do século XX, falecido em 5 de dezembro de 2013. Nascido na África do Sul, um dos maiores produtores mundiais de metais preciosos, Mandela foi líder do movimento contra o Apartheid. Condenado em 1964 à prisão perpétua, foi libertado em 1990, depois de grande pressão internacional. Recebeu o Prêmio Nobel da Paz, em dezembro de 1993, pela sua luta contra o regime de segregação racial e, em 1994, foi eleito o primeiro presidente negro daquele país. Seu governo foi marcado pela forte tentativa de unificação da sociedade, dividida entre brancos e negros, e pela ausência de revanchismo dos negros sobre a elite branca que sempre os oprimiu e que manteve Mandela preso por 27 anos.

Partindo das informações apresentadas, é correto afirmar que


(UNIFESP-SP) Nelson Mandela, ex-presidente da República da África do Sul (1994-2000), ganhou o prêmio Nobel da Paz, em conjunto com Frederik de Klerk, em 1993, e hoje é nome de rua em Paris, Rio de Janeiro, Dacar e em Dar Es-Salam; é nome de praça em Salvador, Haia, Glasgow e em Valência; é nome de escola em Bangalore, Berlim, Birmingham e em Baton Rouge.

Essa extraordinária popularidade de Nelson Mandela deve–se, sobretudo,


Resolver simuladosEscolaridadeQuantidade
História do BrasilEnsino Médio11
Idade ContemporâneaEnsino Médio6
Idade ModernaEnsino Médio5
História da AméricaEnsino Médio3
Idade MédiaEnsino Médio2
Pré HistóriaEnsino Médio2
Segunda Guerra MundialEnsino Médio2
ApartheidEnsino Médio1
Revolução FrancesaEnsino Médio1
Independência na América LatinaEnsino Médio1

Deixe seu comentário (0)

Participe, faça um comentário.