Entrar

Simulado: Exercício sobre Reforma Protestante com Gabarito - ENEM

Marque todas as questões do simulado desta página "Exercício sobre Reforma Protestante com Gabarito - ENEM" e clique no botão "Corrigir". Se preferir, baixe o PDF.


2 resolveram
40% acertos
Difícil
0 ótimo
0 bom
2 regular
0 péssimo

(Esan-SP) – Na Alemanha do século XVI, havia grande contradição entre o que a Igreja católica pregava e o que se praticava. Nos principados as dificuldades eram enormes. Os camponeses sentiam-se sobrecarregados de impostos. As cidades ansiavam por liberdade. O clero desprezava a missão espiritual. Muitos bispos levavam uma existência de prazer, o que ofendia os crentes sinceros e simples. Os abusos apontados no enunciado geraram o ambiente favorável à aceitação do novo credo sustentado por:


(OMNI – adaptado) Os movimentos religiosos que culminaram na grande reforma religiosa do século XVI tiveram início desde a Idade Média, através dos teólogos John Wycliffe e Jan Huss. Esses movimentos foram reprimidos, mas, na Inglaterra e na Boêmia (hoje República Tcheca), os ideais reformistas perseveraram em circunstâncias ocultas às tendências que fizeram romper a revolta religiosa na Alemanha. O ponto de partida da reforma religiosa foi:


(PUC-PR) – Nos começos do século XVI teve início a Reforma Religiosa, com a atuação de Martinho Lutero, monge agostiniano, então em Wittenberg. Sobre as causas desse movimento, é correto afirmar:

I – Os reformados tiveram apoio da burguesia, desejosa de firmar sua atividade capitalista de obter lucros, limitados pela Igreja e indicativos de pecado.

II – Um sentimento nacionalista surgira na Alemanha e Norte da Europa, passando o papa a ser visto como um estrangeiro a interferir em assuntos internos.

III – Em matéria de religião ocorreu o abuso de setores do clero, com a exploração das “relíquias sagradas” e venda de indulgências.

IV – O documento inicial que desencadeou a Reforma Luterana foi a Declaração de Augsburgo, redigida por Felipe Melanchton.

V – Ao tempo do início da Reforma Luterana era papa Júlio II, mecenas do Renascimento e que interpretou o ato de rebeldia de Lutero como uma simples querela de agostinianos contra dominicanos.

Estão corretas:


(Mack) – O Rei Henrique VIII, aclamado defensor da fé pela Igreja Católica, rompeu com o Papa Clemente VII em 1534, por:


(Cesgranrio) A Europa Ocidental, nos séculos XV e XVI, sofreu diversas transformações políticas, econômicas e sociais. Sobre essas transformações podemos afirmar que:

1. o Humanismo e o Renascimento foram movimentos intelectuais e artísticos que privilegiaram a observação da natureza.

2. a Reforma Luterana, identificando-se com os segmentos camponeses alemães, difundiu-se em virtude da centralização do Estado alemão.

3. a Reforma Calvinista aproximava-se da moral burguesa, pois encorajava o trabalho e o lucro.

4. a reação da Igreja Católica, denominada Contra-Reforma, através do Concílio de Trento (1545), tentou barrar o avanço protestante, alterando os dogmas da fé católica.

As afirmativas corretas são:


(PUC Rio) – A Europa do século XVI assistiu ao surgimento de novas religiões cristãs, dentre as quais destacam-se a Luterana, a Calvinista e a Anglicana. A despeito das características que conferem especificidade a cada uma delas, observam-se elementos que as aproximam entre si. Um desses elementos é a:


(PUC SP) A doutrina calvinista estabelecia para seus adeptos uma vida regrada, disciplinada, dedicada ao trabalho, afastada do ócio, dos vícios e da ostentação. Esse código de conduta levou alguns autores a considerar esses princípios do calvinismo como fatores que favoreceriam o processo de acumulação capitalista. Dentro dessa doutrina, apoiada numa interpretação particular da noção de onisciência divina, conformar-se a esse ideal de conduta não seria o caminho para a salvação, mas seus resultados visíveis - o sucesso material - dariam ao eleito a confirmação do estado de graça.

Esse código de conduta fundamentava-se no princípio doutrinário que pregava


(Unirio) "Deus chama cada um para uma vocação particular cujo objetivo é a glorificação dele mesmo. O comerciante que busca o lucro, pelas qualidades que o sucesso econômico exige: o trabalho, a sobriedade, a ordem, responde também ao chamado de Deus, santificando de seu lado o mundo pelo esforço, e sua ação é santa."

(João Calvino. In: Mousnier, Roland. História Geral das Civilizações. Os séculos XVI e XVII: os processos da civilização europeia. SP: Difel, 1973, p. 90, tomo IV, v. 1.)

A opção que correlaciona a citação acima com o contexto da reforma protestante, no século XVI, que pregava mudanças no cristianismo e na ação da igreja católica é o


(PUC-PR) – No começo do século XVI teve início a Reforma Religiosa, com a atuação de Martinho Lutero, monge agostiniano, então em Wittenberg. Sobre as causas desse movimento, é correto afirmar:

I – Os reformados tiveram apoio da burguesia, desejosa de firmar sua atividade capitalista de obter lucros, limitados pela Igreja e indicativos de pecado.

II – Um sentimento nacionalista surgira na Alemanha e Norte da Europa, passando o papa a ser visto como um estrangeiro a interferir em assuntos internos.

III – Em matéria de religião ocorreu o abuso de setores do clero, com a exploração das “relíquias sagradas” e venda de indulgências.

IV – O documento inicial que desencadeou a Reforma Luterana foi a Declaração de Augsburgo, redigida por Felipe Melanchton.

V – Ao tempo do início da Reforma Luterana era papa Júlio II, mecenas do Renascimento e que interpretou o ato de rebeldia de Lutero como uma simples querela de agostinianos contra dominicanos.

Estão corretas:


(IF Sertão) A Europa Ocidental foi marcada no século XVI por muitas lutas sociais em que o sentimento religioso se misturava às ambições materiais, protestos populares e diferentes projetos políticos.

Sobre o movimento da Reforma Religiosa na Europa, assinale “V” (verdadeiro) e “F” (Falso) e depois marque a alternativa correspondente.

( ) A Igreja Católica estava promovendo políticas de melhoria da qualidade de vida das populações campesinas e comerciantes urbanos, doando toda a sua riqueza conquistada ao longo do século XIII.

( ) Martinho Lutero, monge agostiniano, foi o primeiro a insurgir contra a venda de indulgências, embora sua crítica fosse mais profunda, expressava uma expectativa de reforma geral da Igreja de Roma.

( ) O Papa Leão X, em 1517, autorizou venda de indulgências para financiar a construção da nova basílica de São Pedro em Roma.

( ) Com exceção do batismo e da eucaristia, a doutrina pregada por Lutero punha em xeque os demais sacramentos da Igreja, pois não constavam na Bíblia.

( ) João Calvino liderou um dos movimentos reformistas e pregava a volta do domínio do Papa Leão XVI ao trono de Roma.

A sequência correta é:


Resolver simuladosEscolaridadeQuantidade
História do BrasilEnsino Médio11
Idade ContemporâneaEnsino Médio6
Idade ModernaEnsino Médio5
História da AméricaEnsino Médio3
Pré HistóriaEnsino Médio2
Segunda Guerra MundialEnsino Médio2
Idade MédiaEnsino Médio2
2º ReinadoEnsino Médio1
Civilizações AntigasEnsino Médio1
Revolução IndustrialEnsino Médio1

Deixe seu comentário (0)

Participe, faça um comentário.